Rita Ora é capa e recheio da L’Officiel Espanha e na entrevista ela falou sobre sua história de vida, planos para o futuro e também sobre sua vontade de fazer música reggaeton e de colaborar com artistas latinas como Anitta e Jennifer Lopez. Confira a tradução exclusiva do Rita Ora Brasil.


Dispensa apresentações. Seu registro civil a reconhece como Rita Sahatçiu Ora, mas o mundo inteiro escolhe seu primeiro e último nome, Rita Ora, em cada show que se deseja assistir. De origem kosovar e crescida na Inglaterra, essa furacão tem suas ideias bem definidas, e uma delas é a de se tornar mais similar à mulher que lhe deu à vida. Nada é possível sem o apoio eterno de uma mãe, fonte de inspiraçao e bastão de apoio. Familiar e independente, atrevida e calma, guerreira e prudente. Adjetivos atropelados para uma personalidade acolhedora como seu trabalho.

Passo a passo e objetivo cumprido após objetivo cumprido, a atriz tem forjado sua carreira. Um caminho de êxitos que começa a extrapolar o cinema, parcela artística na qual ela tem dado suas primeiras aparições e de que continuará sem perder de foco sua principal vocação: que ela cante e você escute.

Desfruta de fama, ainda que talvez, seu deleite não tenha tanto a ver com ser reconhecida pelas ruas de Londres e sim em ser uma referência para todas aquelas pessoas que estão na busca constante de um sonho. Cantora, atriz, designer e empresária. Sua aposta é tudo. Rita ou nada.


Clique aqui e confira o ensaio completo

Comecemos pelo começo. Você nasceu em Pristina (Kosovo) e se mudou para Londres com apenas seis anos de idade, que lembranças você tem de sua fase na Iugoslávia?

[Rita Ora corrige o entrevistador dizendo que se mudou com apenas um ano de idade] Fui de Pristina quando era muito pequena, então a maioria de minhas lembranças é de quando íamos visitar a família e minhas lembranças que fiz quando já me tornei adulta.

Essas origens são uma questão geográfica apenas ou você carrega seu DNA em suas veias?

Definitivamente, estão no meio DNA. Desde falar em albanês com minha família e amigos até ajudar minha mãe a preparar uma deliciosa tarta. Sempre afloram.

Pessoal e profissional. Ainda que seu começo na música se remonta à 1992 e depois ao Eurovision, apenas em 2009 e em uma viagem à Nova Iorque que você despontou como uma artista. O que significou para você essa viagem e esse seu trabalho com Jay-Z?

Uma nova vida. Ir pra Nova Iorque significou tudo. Foi um reconhecimento por algo que sempre acreditei e quis. Sem dúvidas uma oportunidade incrível para mim como artista.

Você já pensou alguma vez de mudar de estilo musical e tentar, por exemplo, reggaeton?

Amo todos os estilos musicais e sim, eu adentraria o Reggaeton.

Que artista latino você elegeria para isso?

É uma decisão difícil mas adoro a Jennifer Lopez e também a Anitta. Minha equipe já sabe disso e uma delas seria a eleita.

Você passa muito tempo viajando à trabalho, como é sua rotina diária quando está em turnê?

Durmo! Tenho que dormir muito para que esse cansaço não se reflita nos palcos, mas também tento estar hidratada todo o tempo, fazer exercícios e cuidar da minha pele.

Uma de suas paradas será em Madrid, no dia 6 de Outubro. Quais expectativas você tem dos espanhois em geral?

Ah sim, meus fãs estão muito felizes e devem esperar uma festa e uma experiência muito enérgica com novas músicas! Eu espero o mesmo deles, muita energia!

Conhece nossos artistas nacionais? Rosalía é uma cantora que tem revolucionado o conceito tradicional do flamenco.

Sim, tenho escutado suas músicas.

O que tem achado?

Sua imagem é incrível e sua música é tão única quanto criativa.

Não apenas você se dedica à música, em sua trajetória profissional também tenho que destacar seu vínculo com a moda e a atuação. Como você se vê como atriz?

Amo atuar e definitivamente é algo que quero continuar a fazer, mas agora meu objetivo atual é lançar meu álbum novo. Seguir cantando e quando puder, atuar.

Música, cinema e moda. Tem uma colaboração com a Tezenis lançando sua própria coleção para a grife italiana. Quais outros projetos estão vindo aí?

Algumas colaborações incríveis, fiquem de olho. A moda é uma saída para minha criatividade e uma outra forma que tenho para me expressar.

Prefere as colaborações que te permitem oferecer seu potencial em pequenas doses ou planeja no futuro ser uma marca própria, como Jennifer Lopez e Rihanna na cosmética?

Quero criar algo próprio mas agora prefiro as colaborações com pessoas e marcas. É uma questão de aprendizagem.

Relacionando a moda com a música, qual a importância que a estética tem?

A estética é muito importante, mas ao invés de seguir as tendências da moda, temos que nossas tendências e mostrar individualidade.

De espírito livre e estilo atrevido, como foi o momento de entrar num tapete vermelho com um roupão de Palomo Spain?

O roupão! Foi um momento tão divertido, um dos mais Fue un momento divertidísimo, uno de los más bizarros no que se refere à parar pra pensar e decidir “por quê não?”. Foi tão diferente…

Está claro que você é atrevida com tudo. Quem é sua fonte de inspiração para não decair nunca?

Principalmente minha mãe, ela e todas as mulheres incríveis da minha vida. Ícones femininos que admiro.

Uma mania que não conhecemos.

Estou obcecada com saúde. Comprei uma bicicleta nova e tenho a usado com frequência para levar um ritmo de vida saudável com exercícios.