Rita Ora tem indicado que os fãs vão ouvir uma “versão mais velha da Rita” em suas novas músicas, enquanto ela se prepara para lançar um novo álbum – e sair em turnê.

A popstar lançou seu primeiro álbum, “ORA”, em 2012, mas, exceto por suas colaborações incluindo “Black Widow” e “Coming Home” e seus singles “I Will Never Let You Down”, “Body On Me” e “Poison”, ela esteve num silêncio de rádio desde então.

O motivo? Uma grande disputa com sua antiga gravadora, Roc Nation, sobre seu contrato, com Rita dizendo que ela não tinha mais permissão de lançar músicas. Após uma batalha nos tribunais, Rita agora assinou com a Atlantic Records e o segundo álbum está finalmente à caminho.

A cantora de 25 anos disse à Press Association: “Meu Deus, estou tão animada! Estou com um sentimento muito bom e uma vibe muito positiva em relação à meu novo material, estou tão, tão feliz de estar em estúdio fazendo músicas novamente, e mal posso esperar para sair em turnê e deixar meus novos fãs ouvirem o material”.

Falando após o lançamento da nova e melhorada Coca-Cola Zero Sugar, ela adicionou: “Minhas novas músicas são uma versão mais velha de Rita. Porém, não quero falar muito – vocês terão que ouvir!”

Rita acabou de filmar suas cenas como Mia na sequência de Cinquenta Tons de Cinza, Cinquenta Tons Mais Escuros, e disse que pôde desenvolver a personagem, que apareceu apenas de relance no primeiro filme.

Ela disse: “Foi bom retornar como Mia, assim como foi a chance de poder desenvolver Mia e meus laços no set com todos”.

E podem ter mais projetos em Hollywood à caminho, como Rita deixou a entender: “Oohhhhhhh, talvez sim, talvez não. Vocês terão que esperar para ver!”